Aguarde...

Ansiedade e os Transtornos Alimentares

Data da publicação: 25/08/2020

A alta demanda de tarefas, compromissos diários, diversidade de papéis na vida, podem gerar sentimentos de irritabilidade, tensão muscular, alterações no sono, na alimentação e no humor, prejuízos na concentração, desregulação emocional, entre outras. No que tange às alterações alimentares, que aliadas às questões de autoestima, imagem corporal, inadequação do comportamento alimentar, e demais alterações associadas, podemos desenvolver comportamentos extremos com relação à forma como percebemos o alimento. E a partir daí, surgem os prejuízos clínicos, psicológicos e sociais, desencadeando os transtornos alimentares que serão manifestos por exemplo, através da anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno da compulsão alimentar. Se você percebe, que tem uma preocupação intensa com a comida, faz uso de dietas muito restritivas sem acompanhamento, faz exercícios físicos excessivamente, come grandes quantidades de alimento, mesmo sem fome, eventualmente percebe que a dificuldade controlar a alimentação te trazem sentimentos de irritabilidade, culpa, tristeza sem explicação, e ansiedade. Talvez seja a hora de procurar ajuda profissional, sem dúvida você terá a escuta e direcionamento adequado para identificar o que você tem e assim, poder receber o acompanhamento adequado. 

Para maiores informações, entre em contato conosco: 

Acolher Espaço Terapêutico

Agende sua consulta!

#acolherterapias #psicologiarecife #terapiacognitivocomportamental #transtornoalimentar #psicologiaparatodos #atendimentoonline #psicoterapia

Publicado por:

Giséli Ramos de Andrade

Formação Acadêmica: FACHO

Ver Perfil

Giséli Ramos de Andrade

25/08/2020

Ansiedade e os Transtornos Alimentares

0 Curtida(s)


A alta demanda de tarefas, compromissos diários, diversidade de papéis na vida, podem gerar sentimentos de irritabilidade, tensão muscular, alterações no sono, na alimentação e no humor, prejuízos na concentração, desregulação emocional, entre outras. No que tange às alterações alimentares, que aliadas às questões de autoestima, imagem corporal, inadequação do comportamento alimentar, e demais alterações associadas, podemos desenvolver comportamentos extremos com relação à forma como percebemos o alimento. E a partir daí, surgem os prejuízos clínicos, psicológicos e sociais, desencadeando os transtornos alimentares que serão manifestos por exemplo, através da anorexia nervosa, bulimia nervosa e transtorno da compulsão alimentar. Se você percebe, que tem uma preocupação intensa com a comida, faz uso de dietas muito restritivas sem acompanhamento, faz exercícios físicos excessivamente, come grandes quantidades de alimento, mesmo sem fome, eventualmente percebe que a dificuldade controlar a alimentação te trazem sentimentos de irritabilidade, culpa, tristeza sem explicação, e ansiedade. Talvez seja a hora de procurar ajuda profissional, sem dúvida você terá a escuta e direcionamento adequado para identificar o que você tem e assim, poder receber o acompanhamento adequado. 

Para maiores informações, entre em contato conosco: 

Acolher Espaço Terapêutico

Agende sua consulta!

#acolherterapias #psicologiarecife #terapiacognitivocomportamental #transtornoalimentar #psicologiaparatodos #atendimentoonline #psicoterapia

Curtir essa publicação:

0 Curtida(s)

Compartilhe essa Publicação!

0 Curtida(s)

0 Comentário(s)


Curtir

Comentar

Compartilhar


Por favor escreva um comentário

Comente esta publicação!

Atenção: Este site não oferece tratamento ou aconselhamento imediato para pessoas em crise suicida. Em caso de crise, ligue para 188 (CVV) ou acesse o site www.cvv.org.br ou procure atendimento em um hospital mais próximo.